Aos 40 anos, morre atleta olímpica baiana Graciete Santana: ” Uma perda inestimável”

Uma triste notícia tem sido destaque nas manchetes dos principais meios de comunicação desta sexta-feira (17). A morte da atleta olímpica Graciete Moreira Carneiro Santana, que competiu na maratona nos Jogos Olímpicos do Rio-2016, foi uma perda inestimável e a Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) lamentou a morte precoce da atleta. Graciete recebeu o diagnóstico de melanoma severo, e estava se tratando contra o câncer, mas não resistiu as complicações e veio a óbito na madrugada dessa quinta-feira (16).

A notícia da morte da atleta foi transmitida em Feira de Santana, por Joelson Moreira Carneiro, irmão de Graciete. Baiana de Serra Preta, Graciete nasceu em 12 de outubro de 1980, representou o Cruzeiro nas competições e estava registrada na CBAt pela Associação de Atletismo Simõesfilhense (AASF).

A atleta baiana conquistou vitórias importantes nas maratonas de Londrina e Florianópolis. Graciete conquistou sua melhor marca para a competição cravando 2:38.33, em Sevilha, na Espanha, em fevereiro de 2016. Conseguiu a 128ª posição na maratona olímpica (3:09.15). Entre os seus resultados mais expressivos estão dois terceiros lugares na Maratona do Rio, em 2015 (2:41.16) e 2012 (2:42.21); um quarto na Maratona de São Paulo (2:46:20) em 2015, e um segundo na Maratona de Porto Alegre em 2012 (2:44.44).

“Uma pena que ela tenha perdido essa corrida contra o câncer. O atletismo brasileiro está em luto. Muito triste. Nossos cumprimentos ao marido e treinador, Domingos Alves, a família, amigos, a comunidade do atletismo da Bahia e a grande comunidade de atletismo do fundo. Momento muito triste. Faz a gente refletir muito sobre a importância de viver intensamente e se cuidar, porque o risco ao melanoma é grande para quem se expõe ao sol. Fica um alerta para que os atletas tenham muito cuidado”, alertou o presidente do Conselho de Administração da CBAt, Wlamir Motta Campos.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , , .

Categoria(s): Destaque, Esporte, Nacional.

Lutador russo sofre lesão no bíceps durante luta de MMA, após injetar óleo no músculo

Uma notícia tem repercutido nas redes sociais nesta segunda-feira (13). O lutador russo Kirill Tereshin, mais conhecido como Popeye, sofreu uma lesão no bíceps no momento em que fazia uma luta de MMA. A luta precisou ser interrompida em razão da gravidade da lesão. O opositor de Kirill, chamado Rashad, ganhou a luta por nocaute técnico, mesmo sendo 20 anos mais velho. ‘Eu estourei meus músculos durante a luta; este é o fim’, disse o lutador russo, que tem 25 anos.

Kirill Tereshin, que conta com mais de 300 mil seguidores em uma rede social, compartilhou o momento da luta no qual percebeu a lesão que tinha sofrido. De acordo com informações, Kirill já sofreu uma lesão semelhante há algum tempo e precisou passar por um procedimento cirúrgico para corrigir hipertrofia do bíceps. O atleta tem desenvolvido vários problemas por ter injetado óleo para aumentar o volume dos membros superiores.

‘Foi uma estupidez’, admitiu o lutador, que precisou ser encaminhado às pressas para a emergência após a luta ter sido interrompida. A equipe médica que atendeu o lutador precisou remover partes do músculo e da pele de Kirill, com o risco real de ter que amputar os braços do lutador.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Esporte.

Vitor Belfort nocauteia lenda do boxe, Holyfield, ainda no primeiro round em sua estreia no boxe

Uma boa notícia para quem acompanha o esporte e para os amantes do boxe, neste domingo (12). A estreia de Vitor Belfort no boxe não poderia ter sido melhor! O atleta que hoje está com 44 anos, fez a luta no principal evento que aconteceu em Hollywood, na Flórida, enfrentando o ícone Evander Holyfield. Vitor Belfort, que é ex-campeão do UFC, ganhou a luta com um nocaute técnico sobre Holyfield ainda no primeiro round, após levar ao chão por duas vezes o seu oponente.

Momentos antes da luta a plateia fez um minuto de silêncio como uma forma de homenagem às vítimas do atentado de 11 de setembro de 2001. Neste ano, a tragédia que vitimou mais de 3.000 americanos está completando 20 anos. A festa brasileira foi completa com o nocaute de Anderson Silva sobre Tito Ortiz, no co-evento principal da noite.

Evander Holyfield foi solicitado quase que às pressas para ser o substituto de Oscar de La Hoya, que ficou de fora da luta por testar positivo para a Covid-19. Holyfield sentiu o peso das mãos de Vitor desde o início. O brasileiro mostrou um forma física superior e levou Holyfield ao chão ainda em meados do primeiro round. Após se reestabelecer, Holyfield foi à lona pela segunda vez, e sem condições de continuar o combate, o brasileiro Vitor Belfort ganhou a luta.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , , .

Categoria(s): Destaque, Esporte, Nacional.

Ciclista que foi às Olimpíadas é encontrada sem vida aos 24 anos

O mundo teve que lidar com uma pauta complicada nesta segunda-feira (9). Aos 24, uma jovem atleta de alto nível foi encontrada sem vida.

A ciclista profissional Olivia Podmore foi localizada sem sinais vitais dentro da casa dela em Cambridge, na Nova Zelândia. Conhecida por seu alto nível, ela chegou a competir nas Olimpíadas do Rio, em 2016, mas não conseguiu classificação para as desse anos. Uma pista levantou hipóteses do que pode ter ocorrido.

Antes de ser encontrada sem vida, Olivia fez um desabafo. Nas redes sociais, poucas horas antes do ocorrido, ela escreveu sobre as pressões que vivia no esporte e falou sobre uma constante cobrança por resultados positivos. Olivia escreveu:

Esporte é uma grande ferramenta para tantas pessoas, é uma dificuldade, uma luta, mas é tão alegre. O sentimento de vencer é diferente de tudo, mas o sentimento quando você perde, não é selecionado ou se qualifica, se lesiona, não alcança as expectativas da sociedade como ter uma casa, se casar, ter filhos, tudo porque você dá o seu melhor para o seu esporte também é diferente de tudo.

Da Redação do Acontece na Bahia

Categoria(s): Esporte, Internacional.