Ex-BBB21, Gil do Vigor sofre ataque homofóbico de conselheiro do Sport e desabafa “É muita dor!”

Uma notícia está sendo muito comentada nesta sexta-feira (14) Isso porque o após o ex-BBB 21, Gil do Vigor, visitar a ilha do Retiro, nesta tarde. O conselheiro do Sport, Flávio Koury, teve áudios vazados, contendo uma fala homofóbica. Os áudios estavam sendo enviados em grupo não oficial do time de futebol. Koury fez críticas a uma dança que Gil fez, quando esteve no estádio rubo-negro.

“Se ele tivesse feito essa dancinha na casa dele ou no bordel, ou onde ele quisesse, eu não estava nem aí. Mas foi dentro da Ilha do Retiro, né rapaz. Isso é uma desmoralização. Isso é ausência de vergonha na cara. É isso que a gente está vivendo. Esses tempos novos, é isso. Não tem mais respeito. Filho não respeita pai, pai não respeita filho, não respeita irmão. Não tem amigo. É a depravação”, disse Koury,

Em suas redes sociais , o Ex-BBB 21, Gil do Vigor, comentou sobre as falas homofóbicas do conselheiro do Sport.

“Primeiro ataque homofóbico que me deparo após o BBB e posso garantir, ainda machuca MUITO! Mas sigo firme e providências serão tomadas. Tirando o dia off para não perder minha alegria por tudo que venho vivendo…… É muita dor!”, lamentou Gil.

Segundo o portal BN, o vice-presidente do Sport, Carlos Frederico, emitiu uma nota, repudiando as falas do conselheiro e deu todo apoio ao ex-BBB.

“O Sport Club do Recife é de todos. A falta de empatia e o preconceito estão levando nosso país ao caos. Estamos lascados! Gil do Vigor é e será sempre um legítimo representante das cores do Sport. Um clube plural, do povo. A maior torcida do Norte/Nordeste. Não segregamos quem ama o Sport. Amamos quem ama o Sport. O amor que une nossa torcida ao clube é incondicional. Obrigado Gil, por levar o nome do Sport pra todo o mundo. Pelo Sport Tudo”, declarou.

O conselheiro do Sport, também se manifestou sobre a sua fala : “O que eu disse é que eu não gosto de putaria e não gosto mesmo não. Vocês tratem de não querer botar palavra na minha boca. Não admito isso” afirmou.

Leia também o portal do nosso editor www.romulofontoura.com.br

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Artistas, Destaque, Esporte, Nacional.

Gabigol aceita acordo e pagará R$ 100 mil para escapar de processo

Uma notícia envolvendo o jogador do Flamengo Gabriel Barbosa Almeida (Gabigol) tem sido destaque ainda nesta terça-feira (27). Isso, porque Gabriel escolheu pagar R$ 110 mil para não ser processado.

Após ser flagrado em 14 de março em um cassino, na capital paulista, com 150 pessoas, o jogador de futebol Gabriel Barbosa Almeida, conhecido como Gabigol, aceitou nesta segunda-feira (26) um acordo com a Justiça de São Paulo para pagar 100 salários mínimos (equivalente a cerca de R$ 110 mil reais) por ter descumprido o distanciamento social durante a quarentena.

O Ministério Público propôs o acordo que determina que Gabigol pague 100 salários mínimos ao fundo Municipal da Criança e do Adolescente em troca da extinção do processo de crime contra a saúde pública. Pela lei, o crime de infração à medida sanitária preventiva tem pena prevista de um mês a um ano de detenção, além de multa, no caso de condenação.

A audiência foi feita por videoconferência por conta da pandemia do coronavírus. Durante a reunião virtual, o jogador não comentou o processo e se limitou a aceitar os termos do acordo proposto.

A audiência foi celebrada pelo juiz Fabricio Reali Zia do Juizado Especial Criminal (Jecrim), no Fórum da Barra Funda, Zona Oeste da capital paulista.

Em entrevista ao Fantástico, da TV Globo, no dia 14 de março, o jogador disse que foi ao cassino convidado por amigos para jantar e que só joga videogame. Ele reconheceu, no entanto, que faltou “sensibilidade” ao ir ao local durante a quarentena.

“Acho que faltou um pouquinho de sensibilidade, mas sempre usando máscara, sempre com álcool em gel. Realmente, quando eu percebi que tinha um pouquinho mais de gente, eu estava indo embora”, falou Gabigol.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Esporte, Nacional.

Após competir correndo descalça, menina vence competição e receberá ajuda da Nike e de treinador

Uma prova de força de vontade e superação tem se tornado destaque nas mídias sociais ainda nesta terça-feira (27). Trata-se de uma garotinha que participou de uma corrida apenas com ataduras enroladas nos pés e venceu.

Durante uma competição de corrida nas Filipinas uma menina conquistou três medalhas de ouro correndo descalça, apenas com ataduras coladas nos pés para não se machucar. Nas ataduras, um desenho da logo da Nike foi desenhada pela jovem Rhea Bullos. Após a viralização das fotos nas redes sociais, acabou chamando a atenção de um treinador e da própria Nike, que irão ajudar a garota e toda sua equipe.

O treinador Jeff Cariaso, responsável pela equipe Alaska Aces e CEO da loja de basquete Titan 22, viu a foto de Rhea em um post viral no Twitter e conseguiu o contato dela.

A jovem atleta competiu no torneio Iloilo Schools Sports Council Meet, que acontece nas Filipinas. Ela conquistou o ouro nas competições de 400, 800 e 1.500 metros sem tênis.

Contato

Ao conseguir realizar um contato com Rhea, o treinador afirmou que iria ajudá-la. “Eu pude falar com Rhea e seu conselheiro hoje de manhã. Obrigado àqueles que também me enviaram mensagens com número de contato dela”, disse ele em um post.

Na publicação, Jeff afirma que a partir de agora a garota vai correr com um tênis de verdade, adequado para maratonas: “Ela tem potencial, mas com o calçado certo, agora terá as ferramentas para melhorar muito”, complementou.

Nike

Jeff compartilhou ainda no seu Twitter que a equipe de Rhea conta com apenas um par de tênis para correrem, ou seja, enquanto um está usando, os outros correm descalços.

Nas redes sociais ele pediu para outras pessoas se juntarem à causa e ajudarem não só a jovem Rhea, mas seus colegas de atletismo. “Sugiro que façamos um esforço para também ajudar seus colegas. Rhea foi atendida. Ela tem colegas de equipe que compartilham um par de tênis de corrida em treinamento. Sua história desencadeou muitos esforços para ajudá-la. Vamos estender aos colegas de equipe dela”, escreveu.

A história chegou à cúpula da Nike, que decidiu intervir. No mesmo dia, eles comentaram: “Entramos em contato com os treinadores e a Nike está enviando um pacote para a equipe. Equipe de atletismo da Nike se intensificando!”, escreveu.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Esporte, Internacional.

Jogadores descem de ônibus e atiram pedras em torcedores que protestavam após derrota do time

Um noticia lamentável repercute nesta segunda-feira (26). Após o Clube River-PI perder para o rival Flamengo-PI no campeonato Piauiense por 3 a 2, torcedores do clube entraram em confronto com alguns jogadores.

O fato ocorreu neste último domingo (25), quando após perder para seu maior rival, os jogadores do River-Pi foram surpreendidos com um protesto de torcedores na saída do estádio Alberto, em Teresina – Piauí. Nesse momento os jogadores foram hostilizados pelo grupo, que foi contido por policiais militares. Um tiro de borracha acertou uma pessoa envolvida.

Já durante o trajeto até o centro de treinamento do clube, alguns jogadores desceram do ônibus, após perseguição de torcedores, e arremessaram pedras em direção ao grupo de pessoas que protestavam

“Rápido. Vai, vai, vai”, grita um dos envolvidos.,

“Oh, meu Deus do céu”, diz moradora próximo ao ônibus.

Por meio de nota, o River-PI lamentou o episódio e justificou a atitude de seus atletas ao considerar que ela foi tomada na “emoção daquele momento”.

“A Direção do River-PI entende que a manifestação dos torcedores ocorrida na porta do estádio é legítima, desde que fique na esfera do protesto verbal, sem atos que possam colocar em risco a integridade física dos profissionais do clube ou seu patrimônio. Os registros de má conduta de alguns, no Bairro Porto Alegre, é lamentável e não condiz com a conduta defendida pelo clube aos seus integrantes, mas entende também, que foi fruto da emoção daquele momento, do calor dos fatos”.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque, Esporte, Nacional.