Search
Close this search box.

Caso da jovem trans esfaqueada em Glória: Família revela que ela havia saído para encontrar namorado

A tragédia envolvendo a jovem transexual de 21 anos, identificada como Juliana Santos e moradora do Conjunto Habitacional Dom Mário Zaneta, BTN 3, em Paulo Afonso, tem repercutido bastante e está sendo investigada pela polícia. Juliana foi vítima de ataque por arma branca, em uma grave tentativa de homicídio na manhã de segunda-feira, 22 de janeiro. O incidente ocorreu nas proximidades da Orla da cidade, conforme relatado pela família.

Alessandra, cunhada da vítima, e Cícero, seu padrasto, compartilharam em uma entrevista que Juliana havia saído de casa às 7h para se encontrar com um namorado, conhecido há aproximadamente 15 dias. Esse relacionamento não era aprovado pelo padrasto. Durante o encontro, Juliana foi alvo de um ataque violento, sofrendo cerca de 10 facadas, com ferimentos graves na região do pescoço. Atualmente, ela está internada em estado grave no Hospital Nair Alves de Souza (HNAS).

A família, que está profundamente abalada, clama por justiça. Alessandra afirmou: ‘Ela nos disse que ia para a casa desse namorado. Às 13 horas recebemos a notícia do ocorrido. Agora, pedimos justiça.’ Cícero fez um apelo ao delegado de Glória, Dr. Bacelar, para que as investigações continuem e o responsável seja identificado. ‘Não queremos vingança, apenas justiça. Peço que as câmeras sejam verificadas para encontrar o autor desse crime’, solicitou Alessandra.

Além dos ferimentos, acredita-se que o celular e documentos de Juliana foram roubados durante o crime. As consequências dos ferimentos ainda são incertas. Não se sabe se Juliana ficará com sequelas em razão dos ferimentos que sofreu.

Diante das dificuldades financeiras, a família solicita apoio para despesas essenciais. ‘Precisamos de fraldas, lenços, produtos de limpeza. Estamos indo de bicicleta para o hospital, arriscando nossas vidas, mas temos que estar lá, somos família’, compartilhou Alessandra. Um card com itens necessários para a paciente foi divulgado nas redes sociais, buscando auxílio da comunidade.

Da redação do Acontece na Bahia

Fonte: Portal ChicoSabeTudo