Cantor Frank Aguiar tem experiência com chá indígena “ayahuasca” e desabafa: “Resolvi toda a minha vida”

Um relato chamou a atenção nesta sexta-feira (18). Um querido cantor falou sobre sua experiência com um chá indígena. Para ele, esse momento foi um divisor de águas que resolveu a sua vida.

O cantor Frank Aguiar, que preferiu mudar de nome para Luz Aguiar recentemente, fez um relato sobre uma experiência diferente. Em entrevista à revista Quem, Frank Aguiar contou que fora convidado por um prefeito para um passeio, depois disso ele participou de um ritual espiritual indígena e tomou o chá de nome ayahuasca. Então, depois disso o cantor disse que conseguiu lidar com os problemas que tinha e resolvê-los. Frank Aguiar contou:

“Sete anos atrás, fiz um show em Cruzeiro do Sul, no Acre. Depois do show, o prefeito me convidou para conhecer as belezas do Amazonas e do Rio Croa. Alugamos uma canoa e me apresentaram o chá milagroso, que além da cura, expandia a consciência. Naquela época estava no fundo do poço e passando por um momento de conflitos com meu filho e com a carreira política. Naquele momento resolvi toda a minha vida. Foi como se eu tivesse feito dez anos de terapia com o melhor psicólogo. Lá ouvi uma voz me falando que eu seria uma ponte para que outras pessoas pudessem ter suas evoluções.” Mas não é só isso.

Mudança de nome

Além disso, na entrevista o cantor, que é registrado pelo nome de Francineto Luz de Aguiar, explicou de onde veio a inspiração que o fez mudar de nome:

“Desde então faço reuniões espirituais semanais em minha casa. Em uma dessas, a voz do astral divino me disse: ‘Filho, você é luz e tem um nome tão bonito. Olha como é bom você verbalizar isso para o universo. Quando te chamarem de luz, você vai receber luz. Eu queria no dia seguinte pedir para todos me chamarem de Luz, que é meu nome de batismo, mas é um processo e leva um tempo.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.

Comente: