Bolsonaro pede que escolas e comércios voltem a funcionar e compara coronavírus a “gripezinha”

O presidente Jair Bolsonaro se pronunciou em rede nacional na noite desta terça-feira, dia 24, ele abordou a crise do coronavírus e dividiu opiniões com o que disse. Bolsonaro afirmou que o país deveria retornar à normalidade com a abertura do comércio, de escolas e com o fim do confinamento.

Isso vai na contramão de todas as medidas tomadas por países com casos confirmados do novo coronavírus e é destoante com as recomendações da Organização Mundial da Saúde.Bolsonaro voltou a se referir ao vírus como uma “gripezinha” e também disse que a imprensa está gerando um sentimento de pânico na população.

A postura do presidente discorda inclusive do que foi relatado pelo próprio Ministro da Saúde, que alertou aos brasileiros que o pico do contágio ainda não chegou e deve ser atingido nas próximas semanas.O pronunciamento já está sendo alvo de críticas e muitas pessoas fizeram “panelaço” no momento em que o discurso foi ao ar.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Categoria(s): Nacional, Politica.

Comente: