Bebê perde a vida dentro da barriga da mãe por falta de anestesista para parto

Um casal está enfrentando a dor de ter que se despedir da filha antes mesmo dela ter nascido. A  bebê perdeu a vida ainda dentro da barriga da mãe.Isso ocorreu por conta de uma grande negligência hospitalar: a falta de médicos anestesistas.

O casal Keylyzangela e Elizeu foi até o Hospital Regional de São Francisco do Guaporé, em Rondônia, pois já haviam sinais de que a hora do parto estava chegando.Depois de ser internada, Keylyzangela foi examinada pela equipe médica, que percebeu a necessidade de um parto emergencial.

Entretanto, nenhum anestesista estava de plantão naquele horário.A ausência desse profissional, que é essencial para a realização do procedimento, resultou numa longa espera. Uma espera longa demais. Com a chegada do anestesista apenas no dia seguinte, a pequena Cecília não resistiu e já nasceu sem vida.O casal então deu seu primeiro e último beijo na filha, vivendo um sentimento difícil de descrever.

Em um desabafo, Keylyzangela lamentou: “Ah filha, minha filhinha, minha preciosa, minha princesa, minha menina. Você mudou minha vida, meu mundo, fez o mundo girar ao seu redor, tudo era você e pra você. Como te amei filha, cada minutos que esteve dentro da mamãe te amei, você sabia do orgulho que a mamãe sentia da barriga, sentia de você. Até planos pro seu primeiro aninho mamãe já tinha feito.”

O estado lamentou a perda e disse estar tentando contratar mais anestesistas. Porém, esse caso ainda deve passar por novos episódios, principalmente no âmbito judicial, tendo em vista a constatação clara da negligência estatal.

Da Redação do Acontece na Bahia.

Categoria(s): Nacional.

Comente: