Bares e restaurantes devem funcionar ao ar livre em plano de retomada em Salvador, diz ACM Neto

Durante a inauguração da reforma da Praça Marechal Deodoro nesta segunda-feira (6), o prefeito de Salvador, ACM Neto, comunicou que um novo plano de retomada da economia na capital baiana será apresentado na terça-feira (7), em coletiva de imprensa.

O novo plano estimulará o “aproveitamento do cidadão na cidade” por meio da ocupação de bares e restaurantes nas calçadas. “Exemplo: Salvador não tem muito a cultura de bares e restaurantes nas ruas, ocupando espaços nas calçadas. Vamos estimular que diversas áreas passem a ter bares e restaurantes na rua, ao ar livre, para permitir uma primeira etapa de retomada de bares e restaurantes”, exemplifica o gestor.

De acordo com o Neto, o novo modelo diminui o risco de contágio pelo novo coronavírus. “A possibilidade de contaminação ao ar livre é inferior à de ambientes fechados. Não há melhor momento para dizer que vamos anunciar esse plano do que no momento da inauguração de uma praça como essa”, afirma.

Além disso, o gestor informa que fará intervenções da estrutura da capital a fim de proporcionar mais espaço ao cidadão e, desse modo, manter o distanciamento social. “Da mesma forma, vamos apresentar um plano de ampliação das ciclovias. Também vamos fazer intervenções de expansão de calçadas e passeios, para assegurar mais espaço ao cidadão. Vamos anunciar isso essa semana. São medidas pensadas de maneira coordenada”, esclarece.

Ainda conforme Neto, ele afirma que breve anunciará um plano de apoio ao setores econômicos que sofreram com esse período de pandemia. “Passei o fim de semana discutindo com a Secretaria da Fazenda. Nos próximos dias, vamos anunciar um plano de apoio e estímulo aos setores econômicos mais atingidos pelo coronavírus. Esse plano reunirá cem ações. Vamos anunciar cem medidas de apoio à atividade econômica. Dentre as medidas, teremos uma série de medidas na área fiscal, tributária. Serão apresentadas na hora certa”, informa.

Categoria(s): Regional.

Comente: