Baixa Grande: ” Paredão do BBB 13 a todo vapor!” Diz Internauta.

 

No facebook estão sendo publicadas e compartilhadas fotos  de ex cargos de confiança ou pessoas que supostamente esperava-se a nomeação para um cargo na administração municipal capitaneada pelo prefeito Pedro Lima Neto.  Com a foto de uma militante da campanha  e depois a palavra “eliminado” numa alusão ao paredão do Big Brother Brasil que ao longo da edição anual vai “eliminando” os participantes. As postagens tem conotação lúdica e de entretenimento , resquícios das provocações que aconteceram durante o pleito de 2012.

Entenda a formação do governo: O Prefeito eleito Pedro Lima Neto do PT, militou ativamente na oposição em seus dois primeiros mandatos sendo que sinalizou compor com o ex prefeito em que ele disse que “tinha uma quadrilha de ladrões” que foi o Sr Ubiramir Pereira, ex-prefeito municipal que indicou o seu filho Dr. Gustavo Pereira para ser o vice na chapa de Pedro.

Alianças: Por ironia do destino uniu-se então num único palanque os três em que o pronunciamento de Jaques Wagner (Então Ministro do Trabalho ) causou rebuliço ao propalar em praça pública, naquele ano de 2004,   palavras que alguns acharam que fariam Mimi e Reinaldinho mais nunca dar sequer um oi aos postulantes do PT dado a gravidade da afronta moral, para a surpresa do povo, mais do que o apoio disfarçado subiram juntos ao palanque contra  o médico Dr. Heraldo Miranda,  Conseguiram a vitória mas o custo  pode ter sido muito grande , vai entender a política.

Analistas políticos apontam que quando um aliança deste nível é feita e que muitos ficam de fora, os descontetentes tendem a procurar o lado opositor. Para se ter uma idéia Dr. Heraldo conseguir dimunuir  a vantagem do PT de 1700 votos para  cerca de 200 votos em apenas 4 anos, (lembrando que o PT tem o Governo Estadual e Federal do mesmo lado) . Com os paredões a pleno vapor e também como há rumores que o ex prefeito Gilvan Rios já está descontente com o atual prefeito Pedro Lima Neto.  Há  de se imaginar um cenário de difícil manutenção política, já que correntes internar do PT tendem a deixar alguns secretários adesistas apenas com o salário mas sem poder algum no governo, o que fará com que esses adesistas ao longo de alguns meses, percam musculatura política. E para se capitalizarem  vão ter que procurar deputados, se isso acontecer os deputados do PT podem passar vergonha nas eleições de 2014 no que concerne votos em Baixa Grande.

Oposição: A oposição promete marchar junta e fiscalizar o prefeito detalhadamente, pricipalmente as dispensas de licitações e as licitações com carta convite. No mais é esperar para ver o que acontece, a política é uma dama caprichosa que as vezes muda a música repentinamente.

Categoria(s): Regional.

Comente: