Autoridades mudam versão e dizem que Nego do Borel na verdade estava sozinho no quarto em que foi encontrado

Após a informação dada pela Polícia Civil de que o cantor Nego do Borel foi encontrado em um motel com duas mulheres, a polícia recuou e corrigiu que o artista, na verdade, estava sozinho, assim como ele e a própria assessoria afirmaram.

“A Polícia Civil esclarece que a primeira informação dada pelo estabelecimento era de que Nego do Borel teria entrado com duas mulheres no motel. No entanto, ao entrarem no quarto com a autorização do cantor, os agentes constataram que ele estava sozinho”, escreveu em nota.

Na ultima segunda-feira, a mãe de Nego do Borel registrou um boletim de ocorrência depois do filho sair de casa sem dizer para onde ia, aparentemente abalado psicologicamente.

Menos de 24h depois, o cantor foi encontrado no motel. Primeiramente, a Policia Civil havia afirmado que ele estava no estabelecimento na companhia de duas mulheres. Nego do Borel e a assessoria negaram a informação.

“Saí ontem e não avisei a minha mãe. Por coisas que estão acontecendo na minha vida, quis ficar sozinho. Não sabia que minha mãe iria à delegacia, não avaliei sobre ela ir à delegacia, peço até desculpas a ela. Estava sozinho, não estava com nenhuma mulher, com ninguém. Tomei muito remédio, aí dormi. E acordei com toda essa repercussão”, disse Nego do Borel.

Em depoimento, o cantor afirmou que saiu por volta das 11h da segunda-feira, com destino a São Paulo, onde se encontraria com alguns amigos. Por não estar bem psicologicamente, ele teria parado no Motel Corintino, pois, segundo ele, o estabelecimento é próximo do Morro do Borel, onde foi criado.

 

 

Da Redação do Acontece na Bahia

Categoria(s): Destaque.

Comente: