Após zerar número de pacientes, hospital de campanha de Manaus encerra atividades

Na última terça-feira (23), após a taxa de ocupação de UTIs em Manaus cair para 59%, o hospital de campanha que funcionava no local teve suas atividades encerradas de acordo com a Prefeitura de Manaus.

Mais de 70 dias atendendo pessoas contaminadas pela covid-19, o que resultou na recuperação de 611 pacientes, ou 81% do total de atendidos. De acordo com o Governo do Amazonas, o estado prepara para a reabertura gradual do comércio na cidade e tem flexibilizado o distanciamento social.

A cidade tem mais de 65 mil casos da doença, após enfrentar um colapso no sistema de saúde e funerário, os números estão caindo gradativamente. Agora, o espaço se prepara para voltar a ser uma escola com cerca de 1,4 mil alunos da educação infantil e do ensino fundamental.

No local, memorial será instalado em homenagem aos profissionais que ajudaram a salvar vidas.  Ao todo, foram registrados 757 atendimentos no local, 611 altas médicas e 146 óbitos.

Categoria(s): Nacional.

Comente: