Após tapa em humorista durante o Oscar, Will Smith se emociona em discurso e pede desculpas à academia: “O amor nos faz fazer coisas loucas”

Após a polêmica envolvendo Will Smith e o humorista Chris Rock, o ator subiu ao palco para fazer seu discurso ao ganhar o primeiro Oscar. Bastante emocionado, ele pediu desculpas pela atitude e afirma esperar ser convidado outras vezes à cerimonia.

Isso porque, momento antes, ao ter a esposa alvo de uma piada do humorista Chris Rock, que a comparou com a comparando-a com a personagem de “Até o limite da honra”, de Demi Moore, ator foi ao palco e deu um tapa no rosto do apresentador.

“Richard Williams [personagem que interpetrou no filme] era um defensor feroz de sua família”, disse Will. “Estou recebendo um chamado na vida para amar pessoas, e proteger pessoas. E poder ser um rio para meu povo.”

Will também disse em discurso que não deveria ser motivo de riso aquilo que machuca uma outra pessoa, se referindo a piada contra sua companheira. Além disso, ele diz que no ramo artistico, é preciso sorrir e fingir que está tudo bem. “Eu quero ser um receptáculo de amor”, afirma. “Virei o pai louco, igual a Richard Williams. O amor nos faz fazer coisas loucas.”

 

Da Redação do Acontece na Bahia

Categoria(s): Artistas, Destaque.

Comente: