Após surto de novos casos, Guiné oficialmente anuncia uma nova epidemia de Ebola na região

Uma notícia assustadora circulou nas redes nesta manhã de segunda-feira (15) e chamou a atenção dos internautas. Após as crises com a doença entre 2014 e 2016, o governo de Guiné volta a anunciar no último domingo (14) a existência de uma nova epidemia de Ebola no país. Os casos ocorreram na sua região sudeste e conta com pelo menos sete infecções e quatro mortes.

“A primeira investigação realizada contabilizou sete casos, todos com mais de 25 anos (quatro homens e três mulheres), entre os quais (há) três óbitos (…) As três primeiras amostras enviadas para os laboratórios de Gueckedou e Conakri foram positivos para o Ebola”, afirmou a Agência Nacional de Segurança Sanitária (ANSS) do governo local, através de uma nota.

Assim, o Ministério da Saúde guineense noticiou oficialmente a existência de uma nova epidemia na região. Nesse contexto, eles afirmaram que colocarão em prática planos e protocolos de rastreamento dos infectados e isolamento.  Além disso, o país pretende também acelerar o processo de vacinação contra a doença.

O novo surto foi detectado nas proximidades da cidade de N’Zerekore e sua origem provavelmente vem do enterro de uma enfermeira que faleceu devido à doença em janeiro.

Assim, surge novamente o medo e a preocupação da OMS (Organização Mundial de Saúde) com o ressurgimento da doença nesta região que foi tão afetada pela infecção.

Da redação Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.

Comente: