Após ser chamada de “garota de programa” por senador, Luciana Gimenez desabafa em redes sociais: “machistas e misóginos”

Uma notícia chamou a atenção dos internautas nesta manhã de terça-feira (30).  A apresentadora Luciana Gimenez publicou uma carta aberta em suas redes sociais para rebater as falas do senador Jorge Kajuru, que a chamou de “garota de programa” em entrevista.

“Todos os dias mulheres são atacadas fisicamente e psicologicamente por homens machistas e misóginos. E a forma que esse tipo de pessoa sorrateira usa para atingir e calar uma mulher é através de sua honra, sua estabilidade psíquica ou sua integridade física”, afirmou a apresentadora.

“Muitas vezes eles conseguem entrar em nossas mentes e nos quebrar em vários pedaços. E mais uma vez vamos lá e recolhemos nossos caquinhos, porque somos resilientes, mas isso precisa acabar. Precisamos mostrar a esses covardes que assim como somos fortes para nos levantarmos, somos fortes para derrubá-los. Acredito que toda generalização é burra, ou seja, nem todo homem é ruim, mas os que são psicopatas devem ser expostos e punidos”, continuou.

“Mulheres, está em nossas mãos parar os abusadores, seja aquele que faz a piadinha que constrange, mesmo que na cabeça dele seja um elogio, até os que nos violam física e psicologicamente. Temos que parar de normalizar e aceitar quando homens nos chamam de loucas, e quando se acham no direito de inventar histórias para nos diminuírem mexendo com nossa honra”

“está na hora de transformar nossa dor em força, nossas lágrimas de tristeza em de felicidade. Está na hora pararmos de pedir respeito e sermos respeitadas pelo simples fato que é um direito nosso, não um pedido”, afirmou a apresentadora.

Da redação Acontece na Bahia

Tag(s): , .

Categoria(s): Destaque.

Comente: