Após perder pai e irmão, homem se revolta e tira a vida de casal que os teria infectado a famíliaa

Um crime incomum aconteceu em agosto deste ano em Itumbiara, cidade da região sul de Goiás, e envolveu um casal que foi morto a tiros e um jovem que foi baleado na perna. De acordo com a Polícia Civil, existe a possibilidade de que o crime tenha sido motivado pela suposta transmissão de covid-19 das vítimas para a família do homem suspeito, que perdeu pai e irmão para a doença.

O delegado Felipe Sala, do Grupo de Investigação de Homicídios de Itumbiara, disse que o autor dos disparos culpou Flanklaber Silva e Silva, de 40 anos, e a esposa, Marília Silva e Silva, de 37, de terem infectado os seus familiares e por consequência a morte.

O suspeito tirou a vida das vítimas no galpão onde elas trabalhavam. O homem foi atingido na cabeça e a mulher, no rosto. Ela chegou a ser socorrida, mas faleceu no hospital. O filho do falecido, Flanklaber Silva e Silva Junior, de 21 anos, foi atingido por um disparo de arma de fogo na perna, sofreu uma fratura e foi encaminhado para o hospital. O autor dos disparos fugiu do local logo após o crime.

O suspeito não teve a sua identidade revelada e o delegado responsável pelas investigações acredita que o crime foi praticado por vingança.”Eles estavam sofrendo ameaças de morte, pois eram acusados de ter transmitido covid-19 para a família do atirador. O suspeito foi ao local para vingar a morte dos parentes”, afirmou Felipe Sala.

Da redação do Acontece na Bahia

Tag(s): .

Categoria(s): Destaque, Nacional.

Comente: