Após invadirem sítio, bandidos enterram parcialmente cachorro em buraco; o animal passou cerca de 20 horas soterrado

Uma triste história circulou nas redes e chamou a atenção dos internautas nesta manhã de sexta-feira (12). Durante um furto em um sítio em Guareí (SP), um cachorro da raça Husky Siberiano foi raptado.  Após ter sido levado, os bandidos enterraram o cachorro em um buraco feito pelo dono sítio. Lá, o cachorro passou 20 horas debaixo da terra até ter sido resgatado.

O caso aconteceu na quarta-feira (10). De acordo com o dono do sítio, Eduardo, ele chegou no local durante a tarde e notou que o a casa havia sido invadida. Assim, ele notou a falta de objetos e aparelhos eletrônicos. Além disso, ele notou também a ausência do seu cachorro, Hachi. Nesse sentido, ele começou imediatamente a procura-lo

Durante as buscas, o cachorro foi localizado pelo vizinho de Eduardo, Aníbal Mateo, durante a noite. Eles encontraram o animal soterrado em um buraco feito pelo próprio dono para fazer a instalação de uma mesa.

De acordo com Eduardo, o cachorro deve ter sido dopado pelos bandidos, uma vez que ele é de grande porte e considerado bravo. Eles não encontraram sinais de agressão no cachorro.

“Eu até agora não me preocupei com os bens materiais. Tudo bem que terei que arcar com os custos do que foi levado, mas meu cachorro convive comigo há 10 anos. É um sentimento de revolta por não entender porque o ser humano faz um negócio como esse. Não sei por que fazer isso, coitado do cachorro”, contou Eduardo.

O vizinho de Eduardo também comentou sobre a maldade cometida pelos bandidos: Se queriam levar as coisas, que levassem, mas não tinha necessidade de fazer essa crueldade com ele”, desabafou.

Os familiares do proprietário levaram o cachorro para o hospital veterinário, onde foi medicado para dores e está bem.

“De um modo geral ele está bem. Foram necessários alguns banhos, pois ele estava com muito barro no pelo e também deve ter feito xixi no período que esteve enterrado. Na quarta ele estava com bastante dificuldade para se locomover, mas aparentemente no momento é o rabo que está machucado”, explica a veterinária Juliana Maria Rodrigues.

Da redação Acontece na Bahia.

Tag(s): , , .

Categoria(s): Destaque.

Comente: