Após Covid-19, Governo Chinês proíbe ”completamente” o comércio e consumo de animais selvagens

Segundo pesquisas do governo chinês, o consumo de animais silvestres poderia ter contribuído para a disseminação do coronavírus. O Comitê Permanente do Parlamento Chinês aprovou um pedido para banir “completamente” o comércio de animais silvestres.

Segundo entrevista do canal estatal, o mau hábito de consumir animais silvestres deve ser feito para proteger efetivamente a saúde e a vida da população. ONGs que defendem a biodiversidade comemoraram o ato do governo, afirmando que assim a fauna silvestre da China sai ganhando com esta decisão.

Segundo o Journal of Medical Virology, cobras vendidas no mercado público de Wuhan, epicentro da doença, pode ter sido o hospedeiro do vírus do coronavírus e de dois outros tipos.

Categoria(s): Internacional.

Comente: