Apenas 6 dias depois de ser preso, prefeito afastado Marcelo Crivella perde a mãe e faz apelo à Justiça

Após vivenciar uma situação delicado, um prefeito teve que lidar com outro momento difícil nessa segunda-feira (28) . Isso porque a mãe dele morreu poucos dias depois que ele foi preso. Mas afinal, o que aconteceu?

O prefeito afastado do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, perdeu a mãe nesta segunda-feira. A dona Eriz Bezerra Crivella morreu aos 85 anos, no seu apartamento em Copacabana. Até o momento, não foi divulgada a causa da morte, mas informações preliminares dão conta de que ela faleceu dormindo. Apenas 6 dias depois de ser preso por supostos esquemas ilegais em contratos da prefeitura, Crivella está diante de um momento difícil, pois segue em prisão domiciliar. Mas não é só isso.

Além disso, Crivella é filho único de dona Eris. Então, como ainda encontra-se em prisão domiciliar, o prefeito afastado apelou para que o Superior Tribunal de Justiça deixe ele sair para acompanhar as cerimônias fúnebres. O sepultamento deve acontecer na próxima quarta-feira, num cemitério da zona norte da cidade. As investigações do Ministério Público do Rio de Janeiro apontam Crivella como um dos envolvidos em supostos esquemas ilícitos que ficaram conhecidos como “QG da Propina”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): .

Categoria(s): Nacional.

Comente: