4ª noite de manifestações contra a morte de George Floyd deixa mortos e várias pessoas presas nos EUA

Um jovem de 19 anos, com identidade não revelada, morreu após ser atingido por disparos de arma de fogo vindo de um carro que atirou contra a multidão que protestava em Detroit, no Michigan. Várias pessoas ficaram gravementes machucadas e um agente federal morreu no local.

“Protegeremos seu direito de protestar, mas não permitiremos que nossa cidade entre em caos”, disse um dos policiais americanos. As manifestações ocorrem devido a morte de George Floyd, no dia 25 de maio, após ser asfixiado por quase 9 minutos. O suspeito teria tentado realizar compras com uma nota falsa de U$ 20 doláres.

George sofria de condições de saúde e a possibilidade de substâncias intoxicantes em seu corpo contribuíram para seu falecimento, segundo a acusação formal contra o policial.

Mais de 50 pessoas foram presas em Minneapolis, onde ocorreu o fato. A polícia precisou chamar reforços para lidar contra os protestantes.

Categoria(s): Internacional.

Comente: