10 membros da mesma família são contaminados pela Covid-19, mas todos se recuperam: ‘graças a Deus estamos em casa’

Desde abril, 10 membros de uma família cearense testaram positivo para o novo coronavírus e outras 7 apresentaram sintomas suspeitos. Apesar do susto, todos se recuperaram da doença. Os parentes cumpriam o isolamento social em suas respectivas casas, no bairro Parangaba, em Fortaleza. As residências são próximas uma das outras.

De acordo com relatos de familiares infectados, a doença se manifestou de formas diferentes, isto é, em alguns foi assintomática, já em outros os sintomas foram mais brandos, como a ausência de paladar e olfato. Em sua maioria, no entanto, teve que lidar com sintomas mais intensos, como falta de ar e diarreia.

A assistente em administração Luana Cavalcante, de 24 anos, acredita que o contágio se iniciou após o contato com um primo, que estava assintomático. “A primeira pessoa da família que pegou, a gente acha que foi o meu pai. Ele começou a sentir os sintomas no dia 25 de abril”, conta. “Aqui mesmo, ninguém saía de casa. A gente pagava boleto pela Internet, pedia compras pelo WhatsApp. Pra sair, tinha que ser algo muito necessário”, completa.

Luana e outros familiares começaram a suspeitar da presença da covid-19 após seu pai apresentar febre, falta de apetite e fraqueza. Em seguida, Luana e sua mãe tiveram os mesmos sinais, além de dor de cabeça, diarreia e garganta inflamada. “Foi como um efeito dominó, um ficando doente atrás do outro, e não tinha mais como controlar. Assim que eu tive os sintomas, me tranquei dentro do quarto, minha mãe colocava as coisas na cadeira do lado de fora pra eu pegar. A gente foi se isolando”, relatou.

Da redação.

Categoria(s): Nacional.

Comente: