1 ano após vencer câncer, morre Fernando Guillen, Pastor da Igreja Batista da Lagoinha após perder a luta contra o coronavírus

Nesta quinta-feira (18), chegou a informação de que um líder religioso nos deixou. O pastor da Igreja Batista da Lagoinha, Fernando Guillen, morreu aos 41 anos.

Fernando Guillen era um conhecido pastor da Igreja Batista da Lagoinha. Há cerca de um ano, ele venceu um câncer que descobriu em 2019 e celebrou a vitória. Contudo, na última quarta-feira, ele perdeu a luta contra um duro adversário. Guillen estava internado desde de janeiro após contrair covid-19. Então, o quadro dele se complicou e o pastor não resistiu, falecendo em Belo Horizonte. Em nota, o perfil oficial de Fernando Guillen comunicou:

“Fernando Guillen descansou! Nosso Apóstolo, Pai espiritual e General de Deus foi recebido nos céus. Ele levantou-se do leito de sofrimento e enfermidade, foi ao encontro de Jesus, que ficou de pé para recebê-lo, pois sua trajetória na Terra transcendeu.” Mas não é só isso.

O pastor Márcio Valadão, que é líder da Igreja Batista da Lagoinha, lamentou a perda:

“Um jovem tão precioso, amou Jesus de forma tão intensa e deixa um legado, um testemunho de dedicação, zelo e amor. Para aqueles que têm Jesus, a morte não é um adeus, é como se fosse apenas um ‘até logo’.”

Da Redação do Acontece na Bahia.

Tag(s): , .

Categoria(s): Nacional.

Comente: